Novas linguagens e negócios inovadores no jornalismo

Mais de 120 casos selecionados no Brasil e no mundo
ESPM Media Lab – São Paulo – 2016

Uma profusão de sites, linguagens, narrativas e negócios novos têm surgido no jornalismo e nas fronteiras desse campo. A pesquisa abaixo, que tem parceria com o Docubase do MIT, apresenta uma seleção de 120 casos divididos entre o que chamamos de “linguagens híbridas” e “negócios inovadores”. Não são exatamente novos “modelos” de negócio, justamente porque ainda não há “modelo”. São casos inovadores em alguns aspectos, que não necessariamente podem ser replicados como modelo. As narrativas também às vezes extrapolam o campo do jornalismo – por isso chamadas híbridas. Fizemos ainda um recorte dos casos brasileiros, para facilitar a busca.

Como o campo é extremamente ágil, a pesquisa está sempre incompleta. Se quiser propor alguma nova entrada, por favor entre em contato com a sugestão: andre.deak@espm.br