O aplicativo Fogo Cruzado mapeia os tiroteios no Rio de Janeiro, de maneira colaborativa, mas com checagem de uma equipe. O app usa dados da polícia, da imprensa e de redes sociais. Rebeca Lerier, coordenadora da campanha Jovem Negro Vivo, que teve a iniciativa de criar o app, informou ao Extra que o objetivo do projeto não é prestar um serviço em tempo real, mas publicar semanalmente os dados coletados, além de fazer relatórios mensais e trimestrais, para poder, juntamente com dados de órgãos públicos, montar um panorama completo da violência no Rio. Funciona em modo teste até dezembro. Disponível para Android e IOS.