A vida e a morte de Jesus Cristo ainda poderia ser contada de uma nova maneira? A National Geographic buscou na experiência anterior de Killing Kennedy o parallax scrolling, que já tinham realizado e vencido uma série de prêmios. A agência de criação Mullen Lowe U.S. buscou uma equipe de especialistas em conteúdo e tecnologia e criou uma narrativa em HTML5 para mostrar esta história por diferentes pontos de vista. Obras de arte pintadas à mão foram animadas com gravações de voice-over originais e tiradas do próprio documentário linear para compor a narrativa web.

Entre toda a pesquisa e desenvolvimento do site, mais de 6 mil horas de trabalho. Na estréia da TV, a série Killing Jesus quebrou os recordes de audiência do canal, com mais de 3.7 milhões de espectadores.

Ridley Scott foi um dos produtores.

SAIBA MAIS

No site da Mullen Lowe US

IMDB: Killing Jesus