Morar é um destes projetos que trafega na fronteira entre arte e jornalismo, utilizando linguagens que não são tradicionais para contar histórias documentais. Inicialmente projeto de conclusão do curso de jornalismo de um dos integrantes do Coletivo Garapa de produtores de audiovisual, durante os anos seguintes transformou-se em diversos outros projetos, ganhando um caráter de narrativa transmídia, em que mídias diferentes complementam uma mesma história.

Exposição fotográfica, website, jornal impresso e vídeo stop-motion mostram a vida de pessoas que tiveram que sair de seus apartamentos pelo risco de um edifício que terminou demolido, andar por andar, e que lentamente desapareceu do horizonte da cidade de São Paulo.

SAIBA MAIS

Portfolio do Coletivo Garapa

Campanha de crowdfunding para o jornal do projeto Morar

Exposição, objetos, vídeos